Bento Gonçalves, Brasil, Enoturismo, Rio Grande do Sul, Vale dos Vinhedos

Vinícola Miolo

Vinícola Miolo em Bento Gonçalves – como é a visita

Last Updated on 30 de abril de 2021 by Luciana de Campos Assis

O passeio pela Vinícola Miolo é uma parada obrigatória para quem vai conhecer o vale dos vinhedos. A cidade de Bento Gonçalves, localizada na Serra Gaúcha é o coração brasileiro da produção de vinhos e espumantes e conhecer a Miolo é uma experiência incrível.

Aqui eu vou te contar como conhecer a Vinícola Miolo, quais as opções de experiências você pode vivenciar nela e como tirar melhor proveito de seu passeio. Também vou falar sobre o Hotel & SPA do Vinho, o luxuoso hotel com vista para as parreiras da vinícola, um lugar especial.

Leia mais: Seguro Viagem nacional – vale a pena?

Vinícola Miolo

Vinícola Miolo
Degustação Miolo – foto Lu

A Vinícola Miolo está localizada na cidade de Bento Gonçalves, no Vale dos Vinhedos Rio Grande do Sul, mais especificamente, na Serra Gaúcha. Se estabeleceu por lá em 1989 e permanece até hoje como uma das principais vinícolas da região: tanto no quesito produção como enoturismo.

Mas sua história começa muito antes do estabelecimento da Miolo. Em 1987 o italiano Giuseppe Miolo desembarcou no Brasil e realizou a aquisição do Lote 43 na cidade de Bento Gonçalves (Linha Leopoldina).

Uma área com 24 hectares onde Giuseppe passou a produzir vinhos para o sustento da família. Em 1989 a região do Vale dos Vinhedos recebeu o famoso selo DO (denominação de origem que registra e certifica a procedência do vinho).

E foram os vinhos produzidos no Lote 43 de Giuseppe que receberam os primeiros selos e assim nascia a Vinícola Miolo, como a conhecemos atualmente. Atualmente você pode visitar o lote 43 e também comprar uma garrafa da bebida.

Os vinhos Lote 43 vendidos atualmente são feitos com uvas Merlot + Cabernet Sauvignon apenas de safras especiais, por isso o valor é mais alto. Mas vale muito a pena! Veja abaixo:

Vinho Lote 43 – Vinícola Miolo

Com quatro vinhedos espalhados pelo Brasil, a Vinícola Miolo é reconhecida internacionalmente pela qualidade dos vinhos lhe garantindo o post de maior exportadora da bebida no Brasil. No total, a empresa produz 10 milhões de litros da bebida anualmente, é gigante não acham?

Fundadora do projeto Wines of Brasil, a Miolo sai a frente na transformação da visão do mundo em relação aos vinhos brasileiros. O projeto traz um selo de origem em todas as garrafas de vinhos nacionais certificando a bebida, leia mais aqui no site da Embrapa.

Além dos vinhos excelentes e da causa Wines of Brasil, a Vinícola Miolo ainda oferece uma opção incrível de enoturismo em Bento Gonçalves, educação em sua Escola do Vinho & um dos mais luxuosos hotéis brasileiros, o Spa do Vinho. Vamos falar de todas estas frentes eles em detalhes!

Leia mais: Vinícolas do Vale dos Vinhedos – lista completa!

Como chegar até a Vinícola Miolo

Vinícola Miolo
Vale dos Vinhedos – foto u

A Vinícola Miolo está localizada na Rota Do Vinho RS-444 também conhecida como Rodovia do Vinho no Vale dos Vinhedos. Em outro texto eu explico melhor sobre as vinícolas do vale e as rotas existentes na região.

Há duas cidades próximas do Vale dos Vinhedos com aeroportos: Porto Alegre e Caxias do Sul. Eu recomendo Porto Alegre por ter mais opções de voos, mais fácil para alugar carro e etc.

Para conhecer a Vinícola Miolo use a cidade de Bento Gonçalves como base e aproveite para explorar mais das rotas do vinho presentes nesta área.

Se você estiver viajando para Gramado e deseja fazer um bate e volta para a Miolo, veja essa opção de passeio abaixo. Eu recomendo fortemente pois inclui transporte saindo de Gramado, degustações e um mini curso com a Miolo.

Tour Gran Reserva – Vale dos Vinhedos

Opções de passeios e experiências

Miolo – foto divulgação

O passeio pela Vinícola Miolo pode ser feito de diferentes maneiras; você pode passear pelo espaço onde se encontra a vinícola, caminhar pelos jardins, conhecer a loja e até desfrutar do espaço chamado Wine Garden. Outra opção é agendar uma visita pela fábrica passando pelas caves e terminando em uma degustação.

Visita com degustação pela Vinícola Miolo

Vinícola Miolo
Caves subterrâneas Miolo – foto Lu

As visitas acontecem de segunda à sábado a cada uma hora (mais ou menos) e custam R$40 sendo que parte deste valor é revertido em créditos para consumir na loja. É preciso realizar agendamento prévio pelo site da Miolo.

Você passa pelas principais áreas da vinícola: caves subterrâneas, tonéis de produção até chegar a sala de degustações. O que é muito legal dessa vista é que ela é toda acompanhada de um guia que vai nos contando toda a história da vinícola, seus métodos de produção, histórias e fala sobre os vinhos especiais.

Nesta visita, por exemplo, aprendemos que a vinícola utiliza o método francês Champenoise e como são realizados os giros das garrafas por exemplo. Também ouvimos a história do Espumante Miolo Under The Sea, um projeto da empresa que submeteu garrafas ao envelhecimento no fundo do mar francês.

Essas garrafas ainda não estão em comercialização mas acredito que entrarão no futuro. Enfim, a visita seguida da degustação é excelente! No final, provamos cerca de 5 rótulos da Miolo (entre vinhos e espumantes).

Wine Garden – área externa

O Wine Garden fica na área externa da vinícola, rodeado por muito gramado verde e sombras das árvores. ali você encontra uma decoração rústica moderna e um food truck, ou melhor: wine truck.

Você pode reservar uma cesta de piquenique (veja a foto acima, a cesta vem com petiscos e vinhos) ou pode comprar vinhos e espumantes em taça e curtir a vontade o espaço. O lugar é lindo e o espaço é de frente para o Lote 43.

Eu recomendo fortemente que você, faça o tour guiado com degustação e também dedique um tempo no Wine Garden, ele é realmente um diferencial no Vale dos Vinhedos.

Leia mais: Vale dos Vinhedos – roteiro completo pela região

Escola do Vinho

Vinícola Miolo
Vinhos Miolo – foto Lu

A Escola do Vinho é um programa para o qual você precisa se inscrever e se planejar para realiza-lo, não dá pra incluir em um dia de visita por exemplo. Entende melhor aqui: http://www.miolo.com.br/winemaker/

A Vinícola Miolo oferece um programa chamado Winemaker através da escola do vinho que tem como objetivo ensinar aos alunos como apreciar a bebida, informações aprofundadas sobre o processo de elaboração do vinho e uma oportunidade de criar seu próprio vinho. Se você é apaixonada/o pelo enoturismo e quer aprender mais, acho uma excelente ideia.

Leia mais: Enoturismo e os melhores roteiros para quem ama viagens e vinhos!

Datas especiais e festividades

Vinícola Miolo
Vindima Casa Valduga – foto Lu

Assim como muitas vinícolas do Vale dos Vinhedos, a Miolo também oferece pacotes especiais para a época da Vindima. Temporada de colheita dos frutos pré-produção que acontece entre janeiro e março (dependendo do ano).

Vale a pena demais! O programa foi lança em 2020 com o nome de Pisa das Uvas e Merendim e estava incluso a visita a fábrica, passeio até as parreiras, pisa das uvas em tonéis, degustação e uma “merenda italiana” com queijos e embutidos.

Não estivemos na vindima da Miolo mas pudemos vivenciar essa experiência na Vinícola Casa Valduga, posso dizer que é uma atividade memorável!

E como a Miolo oferece esse tour com duração de 2 horas, pode ser uma excelente opção para quem quer viver este momento sem ter de contratar um pacote completo de final de semana como foi conosco na Valduga.

Leia mais: Pousada Casa Valduga e a festa da Vindima

Hotel e SPA do Vinho

Hotel e SPA do Vinho
Foto divulgação

O Hotel e SPA do Vinho é o mais luxuoso da região e sem sombra de dúvidas, a opção de hospedagem mais especial de todas. E claro que, com esse brilho todo, os valores são bem altos, uma sugestão para quem realmente quer investir.

Bom, é um hotel 5 estrelas localizado no extremo oposto da Vinícola Miolo, bem de frente para as parreiras proporcionando uma vista daquelas! Dentre as qualidades do hotel destaco: restaurante comando por chefe renomado, piscina aquecida, quartos amplos, decoração clássica e SPA com tratamentos a base d vinho.

Apesar de estar localizado na mesma área da Vinícola Miolo eles não pertencem ao mesmo grupo, com isso, a hospedagem nele não garante acesso aos tours mencionados acima. Portanto, faça os devidos agendamentos antes de ebarcar.

E abaixo deixo um link com mais dicas de hospedagem na região:

Leia mais: Onde ficar no Vale dos Vinhedos

Bom pessoal, essas são as minhas dicas para você conhecer a Vinícola Miolo em sua plenitude! Espero que gostem. Se ainda surgirem dúvidas pode deixar aqui nos comentários ou me chamar pelo Instagram através do @lucamposassis ou @enoturismopelomundo.

Quer mais inspiração para explorar o Enoturismo mundo afora? Confira essa Rota dos Vinhos em Cape Town na África pela Ma do blog Aos Viajantes.

2 thoughts on “Vinícola Miolo em Bento Gonçalves – como é a visita

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.