Brasil, Foz do Iguaçu, Paraná

O que fazer em Foz do Iguaçu – dicas e roteiros de viagem

Last Updated on 10 de março de 2021 by Luciana de Campos Assis

O que fazer em Foz do Iguaçu é um texto que vai traz muitas dicas e te surpreenderá, assim como a viagem até lá fará. Aqui falaremos em detalhes de todos os temas que você precisa dominar para planejar um roteiro incrível.

Leia mais: Planejamento de Viagens – aplicativos, sites e dicas gerais

Falar em dicas do que fazer em Foz do Iguaçu é falar de vivenciar experiências marcantes, é estar diante de uma das 7 maravilhas da natureza. É sentir a força da água, a beleza do nosso país e se emocionar.

Viajar para Foz do Iguaçu também é curtir bons hotéis e aproveitar a gastronomia local, incluindo a dos nossos vizinhos argentinos. Use o índice abaixo para ir diretamente até algum tópico específico.

O que fazer em Foz do Iguaçu – dicas e informações básicas

o que fazer em foz do iguaçu
Cataratas vista do topo do mirante do lado brasileiro – foto Lu

Vamos começar o texto sobre dicas de o que fazer em Foz do Iguaçu trazendo um panorama geral do destino e as obrigatoriedades.

Localizada no Estado do Paraná, a cidade faz fronteira com Puerto Iguazú na Argentina e com a Ciudad del Leste no Paraguai. Vale ressaltar que tem muita coisa legal pra ver do lado da Argentina, inclusive o Parque das Cataratas está presente nos dois países.

ATENÇÃO: leve seu passaporte ou RG emitido nos últimos 10 anos caso queira conhecer essas atrações nos países vizinhos.

Não há obrigatoriedade de vacinas nem de seguro viagem. Contudo, recomendo contratar SIM um seguro viagem. A cobertura vai muito além da parte médica: você tem garantias com atrasos de voos e muitos outros imprevistos.

Destaco duas situações nas quais o seguro viagem é seu melhor amigo, mesmo em território brasileiro: cancelamento ou interrupção da viagem por motivos maiores (você aciona a cláusula chamada PLUS REASON) e problemas logísticos (cancelamento de voo, atraso de bagagem por exemplo).

Veja abaixo algumas opções de seguro viagem nacional, use o cupom TURISTANDO5, pague no boleto e garanta 10% de desconto em cima desse preço:

Seguro Viagem: Brasil
GTA BRASIL 18 GTA BRASIL 18 Assistência médica R$ 18.000 Bagagem extraviada R$ 600 (COMPLEMENTAR) R$ 5/dia*
AC 15 BRASIL AC 15 BRASIL Assistência médica R$ 15.000 Bagagem extraviada R$ 500 (COMPLEMENTAR) R$ 5/dia*
AC 15 BRASIL +COVID19 AC 15 BRASIL +COVID19 Assistência médica R$ 15.000 Bagagem extraviada R$ 500 (COMPLEMENTAR) R$ 7/dia*

Câmbio para conhecer o lado argentino – entenda alguns pontos importantes

viagem para foz do iguaçu
Filas enormes para fazer câmbio em Foz – foto Lu

A moeda local na cidade de Foz do Iguaçu é o nosso realzinho. Já do lado argentino, você precisará de pesos. Fizemos câmbio lá mesmo em uma agência a caminho das Cataratas do lado argentino, mas confesso que me arrependi. Fique atento nessas dicas de Foz que te ajudarão muito durante a viagem.

Pegamos longas filas e perdemos muito tempo para uma cotação praticamente similar a que encontramos por aqui no Brasil. Então, fica minha dica para já levar pesos comprados aqui, aproveite a comodidade que nossa parceira aqui do blog – Confidence oferece, você compra online e retira no aeroporto de embarque.

Ao contrário do que muitos dizem, você pode sim pagar algumas coisas com cartões de crédito na Argentina e Paraguai. No entanto, a taxa de conversão será maior. Também existe uma única uma taxa de turismo que pode ser paga apenas em cash.

Então, o melhor caminho é levar pesos já comprados no Brasil.

E quantos pesos levar para Foz do Iguaçu se você pretende conhecer o lado argentino da região? Veja alguns valores para referência:

  • Taxa de turismo que pode (ou não) ser cobrada na rodovia: 50 pesos por pessoa –> essa é a única taxa que deve ser paga em cash, todo restante dá pra pagar com cartão de crédito.
  • Entrada ao Parque Nacional del Iguazú (para visitar as Cataratas): 560 pesos por pessoa
  • Estacionamento do Parque: 140 pesos por veículo
  • Empanadas (dentro do parque): 100 pesos
  • Cerveja (dentro do parque): 250 pesos
  • Água (dentro do parque): 120 pesos
  • Almoço em Puerto Iguazú (duas entradas, prato principal, uma garrafa de vinho e uma sobremesa): 1740 pesos o casal
  • Sorvete Cremolatti (500 gramas) em Puerto Iguazú: 180 pesos

Leia mais: Viajar barato pelo mundo – como fazer isso com ou sem filhos

Quando ir e quanto tempo ficar

o que fazer em foz do iguaçu
Cataratas do Iguaçu lado brasileiro – foto Lu

As temperaturas médias em Foz do Iguaçu giram em torno dos 30 graus Celsius praticamente o ano todo. Mesmo no inverno, o calor bate os 25 graus. Mas qual a melhor época pra visitar a região então? Eu diria que você pode ir o ano inteiro pra Foz, basta avaliar o que suporta mais.

Prefere calor? Então pode ir entre setembro e maio. É da turma do frio? Vá entre junho e agosto.

Entre outubro e março chove um pouco mais. Não acho que isso seja um problema, não há dias seguidos de muita chuva. São chuvas do verão brasileiro que por sinal, podem leva-lo a ter uma experiência melhor ainda.

Quando há excesso de água na barragem de Itaipu, as comportas são abertas e você tem aquele cenário lindo que vê em vídeos; a água saindo da barragem para o escape. As Cataratas também ficam cheias e lindas.

Recomendo ficar em Foz do Iguaçu no mínimo 3 dias para aproveita-la em sua plenitude. Se tiver mais dias é melhor ainda, falaremos mais na seção “roteiros” deste texto. O tempo ideal são 6 dias de viagem.

Como chegar e se locomover pela cidade

Mapa com as principais atrações de Foz do Iguaçu
Mapa com as principais atrações de Foz do Iguaçu – fonte Google Maps

Foz está a 630 kms de Curitiba e 900 kms de Porto Alegre, fazendo divisa com a Argentina e Paraguai. Uma cidade envolta pela mata atlântica e a terceira mais visitada por turistas no Brasil.

Se você é do Paraná ou do Rio Grande do Sul, pode chegar em Foz de carro facilmente. A principal estrada que da acesso a cidade de Foz do Iguaçu é a Rodovia BR-277.

O Gui do Blog Quero Viajar mais escreveu um artigo detalhando esse trajeto e explicando como chegar em Foz do Iguaçu saindo do Paraná.

Se você é de outras regiões do Brasil, dá para chegar até Foz de avião de praticamente todo país. Vai desembarcar no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu. Atualmente todas as companhias aéreas brasileiras operam rotas pra lá.

Foz do Iguaçu é um destino em que as atrações turísticas estão todas espalhadas pela cidade e são relativamente distantes umas das outras. As Cataratas estão a 36kms da Usina de Itaipu e a 26kms de Puerto Iguazú na Argentina, por exemplo.

duas maneiras de explorar a cidade com tranquilidade e sem desgaste: alugando um carro ou com passeios privativos. Eu particularmente achei uma melhor opção o carro, nos deu mais flexibilidade e a viagem acabou sendo bem dinâmica e seguindo o nosso ritmo.

Dirigir em Foz e na Argentina é super tranquilo e seguro, você vai encontrar estacionamento em todas as atrações e pode retirar e devolver o carro diretamente no aeroporto. Fique atento a algumas dicas especiais que dou no texto abaixo como por exemplo a obrigatoriedade de seguro carta verde.

Leia mais – Vale a pena alugar carro e dirigir em Foz do Iguaçu?

Caso prefira, pode contratar os passeios todos pela cidade e um transfer de/para aeroporto tranquilamente. Veja abaixo todas as opções disponíveis e no próximo tópico trago mais detalhes:

Confira aqui a LISTA COMPLETA DE PASSEIOS em Foz do Iguaçu

Como montar seu roteiro em Foz do Iguaçu sem carro

Não se preocupe se você não dirige, há sim uma maneira de você planejar todo seu roteiro por Foz sem carro. E você pode fazer isso contratando os transfers privativos ou em grupo. Vou deixar abaixo o link com nosso operador de confiança e você pode comprar todos os “passeios” com transporte.

Fique atento pois há combos que incluem diversas atividades como por exemplo este aqui que inclui 5 atrações: Cataratas do lado brasileiro + Macuco Safári + Parque das Aves + Marco das 3 Fronteiras + City Tour

E por favor, se você ficar com QUALQUER dúvida na hora de comprar e quiser ajuda, ME CHAME PELO INSTAGRAM que te ajudarei a montar seu roteiro por conta com o maior prazer. Lá pelo insta também há muitas dicas de Foz do Iguaçu, fotos e stories de nossas viagens.

Onde se hospedar em Foz do Iguaçu

Melhores hotéis para crianças em Foz do Iguaçu
Vista do nosso quarto no Wyndham -foto Lu

O centro da cidade é a melhor região para se hospedar em Foz do Iguaçu a turismo. É o bairro onde você encontra bons restaurantes, cafés, supermercados, farmácias e os melhores hotéis.

Mas vale o alerta de que, se você gostou muito de algum hotel que não está exatamente no coração do centro da cidade, não se preocupe. Apesar de as atrações serem distantes (não dá pra ir caminhando de uma a outra por isso recomendo muito alugar o carro) a cidade é relativamente pequena e tudo está próximo.

Outro fator relevante é que a hotelaria de Foz do Iguaçu é excelente! Há muitas opções a escolher, desde econômicos, passando por resorts completos até chegar no icônico Belmond Hotel das Cataratas que fica dentro do parque nacional das Cataratas.

Recomendo que você se apegue mais ao que busca em termos de infraestrutura em um hotel em Foz do Iguaçu do que em sua localização exata.

Leia mais – Wyndham Golden Foz do Iguaçu – como foi nossa experiência

onde ficar em Foz do Iguaçu
Wyndham Golden Suítes – foto Lu

Para te ajudar, vou listar abaixo os principais hotéis e resorts da região com minhas dicas de cada um deles por categorias, mas não deixe de ler nosso texto completo logo abaixo com detalhes mais profundos.

  • Hotéis econômicos (os famosos BBB – bons, bonitos e baratos):
  • Hotéis intermediários:
    • Wyndham Golden Foz Suítes – um quatro estrelas especial. Muito bem equipado para famílias, quartos espaçosos, café da manhã excepcional e uma vista incrível da cidade. Alguns quartos oferecem sala e cozinha, facilitando muito para quem viaja com crianças.
    • Nadai Confort – muito conforto, piscina e área kids bem legais além de ótima localização.
    • Tarobá – tem uma área kids inda e toda novinha em folha. A piscina tem uma bela vista e a noite fica especialmente iluminada.
    • JL Hotel by Bourbon – apesar de ter um toque de luxo considero o Bourbon um hotel intermediário em termos de infra. Recomendo para quem deseja algo mais reservado e intimista.

  • Resorts:
    • Bourbon Cataratas – quartos temáticos, um mini parque aquático na piscina central e café da manhã delicioso.
    • Mabu Thermas Grand Resort – um complexo enorme com muita diversão, tem até praia artificial e piscina de ondas. Vale muito a pena o investimento. E o resort lhe garante a cesso ao Blue Park.
    • Vivaz Cataratas – um excelente custo benefício para quem busca infra completa e bons preços. O Vivaz oferece muita diversão para a família com piscinas, tobogãs e mais. Na realidade o Vivaz proporciona acesso ao parque aquático Aquamania, você abre o portão de entrada do parque com seu próprio cartão do quarto, é fantástico!
    • Recanto das Cataratas – incrível! Um lugar lindo, super gostoso para a família toda, qualidade, conforto e preços excelentes para a proposta de ser um complexo de entretenimento. Reserve um dia para curtir só o hotel, piscinas, a alimentação e tudo mais.
    • Wish Foz do Iguaçu – também é um resort completo e como muita infra para a família toda. Os quartos amplos e arquitetura moderna são dois diferenciais.

Leia mais – Onde ficar em Foz do Iguaçu – um guia completo, com detalhes e fotos

  • Luxo total:
    • Belmond Hotel das Cataratas – esse é o único que considero de altíssimo padrão de luxo. Você poderá apreciar as cataratas em horários alternativos além de viver dias de muito glamour e conforto.
o que fazer em foz do iguaçu
Hotel Belmond Cataratas – foto Lu

  • Hotéis pertinho do aeroporto:

Não recomendo a hospedagem muito próximo ao aeroporto unicamente pela localização pois o aeroporto fica bem centralizado. Praticamente dentro da cidade, a apenas 13kms, veja detalhes no texto abaixo.

Leia mais – Aeroporto de Foz do Iguaçu

O que fazer em Foz do Iguaçu – roteiros de 3 a 6 dias de viagem

o que fazer em Foz do Iguaçu
Marco das 3 Fronteiras – fotos Lu

Como mencione no começo deste texto, planeje ficar pelo menos 3 dias em Foz e se possível estique a viagem para percorrer um roteiro de 6 dias. Esse tempo é ideal para você curtir tudo com calma, aproveitar seu hotel ou resort e voltar pra casa com muitas memórias.

Veja como fica um roteiro em Foz do Iguaçu com 6 dias de viagem usando todas essas nossas dicas:

  • Dia 1: deslocamentos + Marco das Três Fronteiras
  • Dia 2: Cataratas do lado brasileiro + Parque das Aves + Pizzaria Jurrassic com crianças
  • Dia 3: Cataratas do lado argentino + Puerto Iguazú
  • Dia 4: Itaipu Binacional + City Tour ou Dreamland + Movie Cars
  • Dia 5: Passeio de compras até o Paraguai ou descanso no hotel/resort
  • Dia 6: Blue Park ou Aquamania

Confira aqui a LISTA COMPLETA DE PASSEIOS em Foz do Iguaçu

Dia 1 – Chegada & Marco das Três Fronteiras

O primeiro dia de viagem geralmente é corrido pois grande parte dele está envolta com o desembarque no aeroporto, retirada do carro alugado e check-in no hotel.

Com isso, aproveite o dia que você chega em Foz pra curtir o Marco das Três Fronteiras. Um espaço aberto de frente para o Rio Paraná onde os três países se cruzam: Argentina, Brasil e Paraguai e ideal para ser explorado em um fim de dia com uma esticadinha para o jantar.

O Marco das Três Fronteiras é famoso pela placa que marca o encontro das três fronteiras e pelo show de fim de dia. O pôr do sol é lindo visto de lá e à partir das 19pm você também poderá assistir ao show que acontece na área central onde personagens vestidos de índio contam a história da cidade.

Se você não alugou carro, recomendo ir com um transfer comprado antecipadamente. Para ir você poderá facilmente contratar um táxi no hotel mas para voltar irá pagar preços abusivos praticados ali na saída do local. Veja aqui um transfer já com ingresso para o Marco.

Se você estiver de carro pode comprar apenas o ingresso pelo site oficial. Para refeições no marco você poderá reservar o restaurante a la carte: Cabeza de Vaca ou aproveitar essas lanchonetes (kebab, crepes, chopp e etc.).

Caso não queira jantar no Marco, recomendo o restaurante Locanda que fica dentro do hotel Wyndham Golden Foz Suítes. Os pratos são excelentes, preços convidativos e o ambiente é muito gostoso.

Dia 2 – Cataratas do lado brasileiro & Parque das Aves + Pizzaria Jurassic

o que fazer em foz do iguaçu
Família reunida no finalzinho da trilha de 1km para os mirantes – foto Lu

Esse dia será dedicado as Cataratas do Iguaçu do lado brasileiro. Há várias opções de passeios que podem ser feitos por lá:

  • Macuco Safári
  • Voo de helicóptero
  • Trilha do Poço Preto: bike, barco e caiaque
  • Ou simplesmente visitar as quedas d’agua

Veja o mapa abaixo que mostra bem como é o parque e onde estão localizas as atividades:

o que fazer em Foz do Iguaçu
Mapa turístico do parque – fonte site oficial Cataratas do Iguaçu

Fiz um artigo falando detalhadamente de como conhecer as Cataratas (tanto do lado brasileiro como argentino) e tudo que você precisa saber ANTES de sua viagem. Dicas profundas e importantes para sua viagem.

CATARATAS DO IGUAÇU – dicas completas do lado brasileiro e argentino

Em resumo vou listar as principais dicas aqui; comece o dia indo direto para as Cataratas, planeje sua visita e o que quer fazer no parque. Chegue cedo, compre ingressos antecipadamente e divirta-se.

Para comtemplar as quedas d’agua você pode descer com o ônibus da área central diretamente no mirante ou percorrer uma trilha fácil de 1km até as passarelas e a famosa Garganta Del Diablo.

Veja aqui a experiência da Vivi do blog Vivi na Viagem com o Macuco Safári.

Não se esqueça do repelente, roupas leves, capa de chuva por que eventualmente a água das Cataratas molha mesmo, protetor solar e da máquina fotográfica. Caso vá percorrer alguma trilha ou se aventurar no Macuco Safári, leve também uma troca de roupa.

o que fazer em foz do iguaçu
Mirante Central – você chega até aqui de ônibus do próprio parque – foto Lu

Depois de visitar as Cataratas do lado brasileiro, vá ao Parque das Aves que fica do outro lado da rodovia. É um passeio rápido (cerca de uma hora) e especial para quem gosta de contato com os animais e natureza.

DICA ESPERTA -> vá ao Parque das Aves depois das Cataratas, mesmo que te falem pra fazer o inverso, confie em mim rs. Os motivos são simples; você estará indo contra fluxo (filas menores). E visitará as Cataratas no momento mais fresco do dia, pela manhã.

Fizemos isso em todas as vezes que fomos a Foz do Iguaçu e sempre tivemos sucesso. Só fique atento aos horários de passeios como por exemplo o Macuco ou Voo de Helicóptero.

Para almoçar, você pode aproveitar o restaurante Porto Canoas que fica dentro do Parque Nacional das Cataratas e tem vista para a parte alta da água, pré queda. É importante realizar reservas com antecedência.

A noite, se ainda restar energia, recomendo comer uma pizza da Vó Bertilla ou no Jurassic Pizzaria se estiver com crianças.

Dia 3 – Cataratas do lado argentino & Puerto Iguazú

o que fazer em foz do iguaçu
Passando pela imigração pra entrar na Argentina – foto Lu

Esse é um dia bem cheio e delicioso! Prepare o coração!! Ver as Cataratas do lado brasileiro é surpreendente, vê-las do lado argentino é o ápice da emoção. É lindo demais. Não deixe de fazer esse passeio, é muito lindo mesmo.

Não quero entrar na polêmica de qual lado é mais bonito, a realidade é que os dois são surpreendentes e cada um tem suas peculiaridades. Então, já que chegou até aqui, reserve um dia para conhecer as quedas d’agua do lado dos hermanos.

Para visitar as Cataratas do lado argentino; você passará pela imigração para entrar na Argentina, ou seja, precisará ter RG ou passaporte em mãos. Se estiver de carro precisa ter um seguro especial chamado Carta Verde (falo em detalhes sobre ele no texto sobre aluguel de carros em Foz do Iguaçu).

Saia bem cedo para aproveitar o dia, planeje o que fazer no parque (há muitas trilhas e passeios disponíveis, mais do que no lado brasileiro, acesso o link abaixo para mais dicas).

Leve pesos para comprar os ingressos, alimentação e pagar a taxa de turismo que pode (ou não) ser cobrada no trajeto e divirta-se. Se optar por usar o cartão de crédito, tenha pelo menos 50 pesos por pessoa para a taxa de turismo.

CATARATAS DO IGUAÇU – dicas completas do lado brasileiro e argentino

Cataratas do lado argentino – fotos Lu

o que fazer em foz do iguaçu
Mapa do parque com todas as trilhas disponíveis – foto Lu

Saindo do parque, ainda do lado argentino, vá para a cidade de Puerto Iguazú. Recomendo um “late lunch” no restaurante La Rueda. Sensacional!

Uma daquelas carnes argentinas bem suculentas, vinhos excelentes, empanadas e sobremesas deliciosas. O ambiente é bem típico e os preços também (bem mais em conta que no Brasil). Outra dica de restaurante pro lado argentino é o Quincho del Tio Querido, também fica no centro de Puerto Iguazú.

Na volta pro Brasil, você pode parar no Dutty Free para umas comprinhas, ele fica bem na divisa dos dois países, pouco depois de passar pela imigração.

Reforço a mensagem: Você pode percorrer esse roteiro acima com um tour guiado caso não queira dirigir, veja aqui. TODOS os passeios mencionados aqui estão disponíveis com transfers por este link.

Leia mais: Muitas dicas, destinos e roteiros pela Argentina

Dia 4 – Itaipu Binacional + City Tour ou Dreamland + Movie Cars

Conhecer a usina hidrelétrica Itaipu Binacional é uma parada obrigatória em Foz do Iguaçu. Você pode realizar um tour panorâmico que leva uma hora, passa pelos principais pontos da usina e dá uma visão geral de sua construção, funcionamento e importância.

Ou pode realizar um passeio mais detalhado como o Itaipu Especial, que leva um pouco mais de duas horas e entra dentro de alguns espaços da usina. Você também pode visitar o Itaipu Ecomuseu.

Uma opção super adequada para crianças à partir de 3 anos de idade e amantes da natureza é o Refúgio Biológico, um passeio pela floresta que há na usina e faz um trabalho com animais resgatados.

Para comprar os ingressos acesse o site oficial da Itaipu Binacional. Fique atento as instruções, alguns passeios solicitam que você vá de calça e sapatos fechados.

E para fechar, não deixe a atração Movie Cars de fora de seu roteiro, é novinha em folha e imperdível! Um espaço interativo com carros dos filmes famosos, dos heróis e de filmes que nós adultos também amamos.

Essa atração NÃO é dentro do complexo Dreamland (lá você tem o Dreams Motor Show e os Super Carros), ela fica um pouco mais a frente e é realmente imperdível pra quem ama filmes ou que viaja com crianças.

Movie Cars em Foz do Iguaçu
Movie Cars – atração excelente!

Bem próximo a usina, está o Templo Budista Chen Tien. Você pode aproveitar o mesmo dia para conhece-lo e também dar uma passada na Mesquita Muçulmana. Se estiver viajando com crianças, troque esses dois pelo complexo Dreamland onde você encontra as seguintes atrações:

  • Museu de Cera
  • Dreams Motor Show
  • Super Carros – carros especiais que ficam estacionados ali em frente ao complexo
  • Maravilhas do Mundo
  • Ice Bar
  • Vale dos Dinossauros

Como este dia não é tão corrido como os demais, recomendo almoçar em alguma churrascaria. Há muitas na cidade e é uma delícia. Nós fomos na Churrascaria do Gaúcho e gostamos bastante, é simples, econômica e a carne de boa qualidade. Outras dicas bem recomendadas são: Búfalo Branco, Rafain e Premium.

Como este dia não é tão cansativo, recomendo aproveitar alguma experiência gastronômica na parte da noite; você pode curtir a Noite Italiana no Bella Itália, Rafain Churrascaria Show, pode voltar para Puerto Iguazú e curtir o The Argentine Experience ou ainda uma degustação de vinhos.

Dia 5 – Compras na Ciudad del Leste no Paraguai ou descanso no hotel/resort

Eu considero esse quinto dia um extra no você pode descansar e curtir a infraestrutura do hotel. Ou pode planejar algum passeios adicional como ir as compras no Paraguai ou conhecer as Ruínas de San Ignacio e Minas de Wanda.

Eu particularmente prefiro a primeira opção onde você tira um “day off” para descansar, deixar as crianças a vontade se for o caso e curtir a infra hoteleira que é tão especial em Foz do Iguaçu.

Dia 6 – Blue Park ou Aquamania

Mabu Resort Foz do Iguaçu & Blue Park
Blue Park & Mabu Resort ao fundo – foto Lu

Dedique esse dia integralmente a conhecer o Blue Park ou o Aquamania, são parques aquáticos com atrações para toda a família.

Ambos oferecem tobogãs animados, áreas infantis, lanchonete no local e vestiários. O Blue Park conta com uma super praia artificial com águas termais, ondas e areia pra trazer a real sensação de estar na beira do mar.

Se você é do time aventureiro existem outras 3 atividades que podem ser exploradas neste dia ao invés do Blue Park ou do Aquamania. Ou até mesmo para outros dias de viagem, são elas:

  • Aguaray Eco Esportes – canoagem no Rio Iguaçu que é feita juntamente com a Trilha Ecológica do Índio. Fale com a Loumar Turismo que eles oferecem esse passeio organizado pra você.
  • Iguassu Secret Falls – existem algumas cachoeiras escondidas e desconhecidas que você pode conhecer e desfrutar juntamente com a empresa Iguassu Secret Falls.
  • Salto de paraquedas – duas empresas operam essa aventura: Skydive Foz e Skylife Paraquedismo

Dicas para viajar com crianças para Foz do Iguaçu

o que fazer em Foz do Iguaçu
Edu no Marco das Três Fronteiras – foto Lu

Foz do Iguaçu é um destino muito bem preparado para receber crianças e até bebês pequenos. Há hotéis especiais, a alimentação também é bem tranquila e os passeios super adequados.

Ressalto alguns pontos para quem viaja com os pequenos:

  • As Cataratas são super acessíveis com crianças – de ambos os lados
    • Para maiores de 4 aninhos recomendo o Macuco Safári
    • Para menores, as trilhas e passeios de trem
  • Parque das Aves é imperdível!
  • Refúgio Biológico e Ecomuseu para crianças de 3 anos acima em Itaipu Binacional.
  • Dreamland também é uma aventura imperdível aos pequenos, ele contempla um Museu de Cera, Maravilhas do Mundo, Vale dos Dinossauros e um Bar de Gelo.
  • Não deixe a Jurassic Pizzaria de fora, é genial! As crianças AMAM! E ela é outra atração completamente separada do complexo Dreamland, duas propostas diferentes.
  • A atração Movie Cars é novinha em folha e imperdível! Um espaço interativo com carros dos filmes famosos, dos heróis e de filmes que nós adultos também amamos.
  • O passeio bate e volta ao Blue Park ou Aquamania (parques aquáticos) também é super interessante, uma das melhores dicas. Exceto se você já escolheu um bom resort com acesso a eles ou com infra completa de piscinas como indico abaixo.
  • Escolha um hotel com infra bem legal, recomendo os hotéis/resorts abaixo:

Leia mais: Foz do Iguaçu com crianças e TUDO que você precisa saber

Dicas para Foz do Iguaçu na Pandemia

Revisitei a cidade recentemente e pude vivenciar os protocolos de segurança e distanciamento na prática, trago todas as dicas aqui. Me senti bem segura e recomendo o destino para quem deseja realizar alguma viagem nesta fase. Destaco alguns pontos:

  • Hotelaria com controle de ocupação, limpeza especial nos quartos na troca de hóspedes, protocolos de distanciamento, uso obrigatório de máscaras, luvas no café da manhã para o buffet e funcionários treinados
  • Atrações com ocupação reduzida, agendamento de horário para visitar as Cataratas por exemplo, marcações nas filas para distanciamento e uso obrigatório de máscara
  • Fronteira com a Argentina está fechada temporariamente.
  • Restaurantes com mesas espaçadas e ocupação reduzida, é imprescindível realizar reservas com antecedência.
  • O tour Itaipu Especial não está mais disponível pelo site da usina.

Conclusão e resumo das dicas de Foz do Iguaçu

o que fazer em foz do iguaçu

Dicas de Foz do Iguaçu é vivenciar um turismo de experiência incrível, se surpreender com as Cataratas do lado brasileiro & argentino, aproveitar a gastronomia, a excelente infra hoteleira e voltar pra casa com muitas memórias.

Resumi as principais dicas de Foz do Iguaçu:

  • Foz do Iguaçu está localizado no Paraná e faz divisa com Paraguai e Argentina
  • O Aeroporto de Foz do Iguaçu fica bem centralizado (13kms do centro da cidade)
  • A melhor forma de se locomover pela cidade é com carro alugado. Leia o texto abaixo:
  • Caso não queira, confira os transfers privativos para passeios guiados AQUI
  • É um destino que dá pra ir o ano todo
  • Escolha um bom hotel, preferencialmente com piscina e infra completa. Gosto das dicas abaixo:
  • Planeje uma viagem de no mínimo 3 dias sendo 6 dias o ideal, considere as dicas importantes
  • O roteiro perfeito é:
    • Dia 1: deslocamentos + Marco das Três Fronteiras
    • Dia 2: Cataratas do lado brasileiro + Parque das Aves + Pizzaria Jurassic com crianças
    • Dia 3: Cataratas do lado argentino + Puerto Iguazú
    • Dia 4: Itaipu Binacional + City Tour ou Dreamland + Movie Cars
    • Dia 5: Passeio de compras até o Paraguai ou descanso no hotel/resort
    • Dia 6: Blue Park
  • Leve pesos argentinos e documentos para cruzar as fronteiras
  • Se optar por dirigir até a terra dos hermanos, não se esqueça do Seguro Carta Verde ao alugar o carro

Divirta-se, nossas dicas e viagens para Foz estão todas salvas nos destaques do Instagram, nos acompanhe por lá também.

Salve o artigo “O que fazer em Foz do Iguaçu – dicas e roteiros de viagem” em seu Pinterest:

Leia mais sobre O que Fazer em Foz do Iguaçu

Veja abaixo mais textos de blogs amigos com o que fazer em Foz do Iguaçu:

  • Quero aproveitar e deixar uma das melhores dicas de leitura completa de onde comer em Foz do Iguaçu, a Vivi do blog Vivi na Viagem fez uma lista deliciosa, veja aqui.
  • O Murilo do Blog Volto Logo também fez uma lista incrível com 9 dicas do que fazer em Foz do Iguaçu e tem atrações lá que eu não conhecia e não estão aqui 🙂 Vale muito a leitura.
  • A Sil do Blog suas Próximas Viagens fez o passeio de compras no Paraguai e contou detalhadamente neste artigo. Vale a pena a leitura!
  • Bom pessoal acho que é isso, abaixo compartilho com vocês alguns blogs amigos que mostram uma visão diferente de Foz e outros passeios bem interessantes.
  • Ruínas de San Ignacio e Minas de Wanda – a Ma do blog Aos Viajantes fez esse passeio dentro de um roteiro de 5 dias por lá. Neste link ela conta da dicas de Foz do Iguaçu e deste passeio em detalhes.
  • Passeio de helicóptero pelas Cataratas em Foz do Iguaçu – a Aline do blog Contando Destinos fez esse passeio maravilhoso e conta como foi neste artigo.

20 thoughts on “O que fazer em Foz do Iguaçu – dicas e roteiros de viagem

  1. Oi, estou com uma viagem comprada pra foz do Iguaçu e quero tbm comprar logo por aqui, com uma agente de viagens os passeios. Uma mulher me procurou, ela é de lá de Foz me oferencendo pacotes. Porem, ao conversar com meu namorado, ele acha que é melhor comprar os passeios ao chegar lá, pois saem mais em conta. Mas vamos ficar somente 3 dias, vindo embora no 4º dia e penso que comprar por aqui ganharíamos tempo, pois ja chegaríamos lá com tudo certo. Nao sei o que fazer.

    1. Oi Gessica, tudo bem? Eu compraria tudo online antes da viagem! Você tem pouco tempo por lá e não vai querer gastar esse tempo comprando passeios. Além do que, ao chegar em Foz você vai receber MUITAS ofertas de passeios (no aeroporto, hotel, no centro e por todos os lados). Isso parece bom mas fica confuso e só vai te fazer perder tempo. No post deixei todos os links para passeios com a empresa online que confio, se você não encontrar aqui algum passeio que pretende fazer me avisa.
      Beijão

      1. Oi Luciana,
        Então eu adorei seu blog e vai ser muito util.
        Eu quero ir as Cataratas (obvio rs), ao marco das 3 fronteiras, visitar o Paraguai e ao cassino.
        Mas adorei a ideia do catamarã. Vou tentar encaixar tudo, pra não perder nenhum minuto. Hotel vai ser so pra dormir e poucas horas ainda rsrs. Não posso me ausentar muitos dias pois estou em um emprego novo e meu namorado é empresario, então não da pra ficar muitos dias. Mas pensei como voce disse, comprar antes, pq eu consigo encaixar cada programação. Obrigada. Vou no final de outubro e inicio de novembro, vc acha que ja posso comprar os passeios, ou posso esperar ficar mais perto?

        1. Oi Ge, isso mesmo, tem que aproveitar cada minuto. Descansar e dormir a gente faz em casa quando voltar né? Rs. Compra já.. quanto antes comprar melhor! Tem passeios que se esgotam tbm. E quando voltar de viagem me conta como foi 😉 Aproveitem!!!

  2. Lu, que viagem completa e linda!

    Eu estive em Foz faz alguns anos e infelizmente foi uma passagem rápida que nem tempo de visitar as cataratas do lado da Argentina deu, entre outras atrações que lendo seu post percebi que eu perdi.

    Agora sei que tenho muitos motivos para voltar.

  3. Que post completão! Passei uma semana em Foz e ainda assim não fiz muita coisa que você citou aqui. Sinal que tenho que voltar né? O templo budista, por exemplo, quero muito conhecer!

  4. Oiii! Obrigada pelas dicas, pretendo visitar foz do iguaçu no mês que vem, e tem algumas dicas bem úteis ai, principalmente a de Parque das Aves, iria acabar indo junto com o fluxo, rs.
    Muito bom o post. Um abraço!

    1. Oi Fer, essa do parque das aves eu reforço pra todo mundo que me pergunta se realmente é tão cheio. Só de estar nas Cataratas logo pela manhã já vale, mesmo que não esteja tãooo lotado assim. Boa viagem, depois me conta como foi. Beijos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.