Turistando no Chile – um roteiro de viagem em Santiago

    Turistando no Chile!! Esse post vai contar como montar um roteiro de viagem em Santiago que é uma cidade que pode ser muito bem aproveitada tanto no inverno quanto no verão, tem muita coisa pra conhecer. Quem viaja no inverno recomendo passar uns dias nas montanhas esquiando ou curtindo a paisagem branquinha de neve. Já pro verão minha sugestão é explorar as vinícolas (que também devem ser exploradas no inverno rs) e outras cidades ao redor como a praiana Viña del Mar, não pode faltar um passeio pelos andes e cordilheiras para visitar um dos vulcões e os belos lagos que ficam em volta, dá até pra tomar banho termal.

     Vamos as dicas básicas primeiro: vôos diretos do Brasil levam cerca de 3,5 horas, recomendo ficar de olho nos sites promocionais, já vi passagens por R$450. Se você não encontrar promoções dê uma espiadinha nas cias aéreas Avianca, Lan/TAM, GOL e Aerolíneas Argentinas, elas são geralmente mais econômicas. Para hospedagem eu sugiro o bairro Bellavista, os preços são melhores, você está a quadras do centro e colado na melhor região para bares e restaurantes. É muito comum a hospedagem em flats ou apart hotéis, pode reservar um tranquilamente pois é bem seguro. Nós ficamos no Bellavista Apartments, super limpo, confortável, com calefação quentinha (para quem embarca no inverno isso é muito importante) e foi legal pois tínhamos uma cozinha e sala de estar.

     Para o transporte aeroporto/hotel/aeroporto você pode contratar um serviço de van direto no saguão ou comprar um transporte antecipadamente: com a TurisTour por exemplo a ida e volta sai por R$60 e a compra pode ser feita no site da Turistik. Se você optar pelo transporte privado aqui vai um link para comprar antecipadamente e não ter dor de cabeça ao chegar lá: Santiago Private Airport Transfer.  Quando fui usei o transporte privado para a chegada e o TurisTour para o retorno.

     Bom, vamos falar do roteiro então.. eu diria que em 4 dias você consegue conhecer Santigo e um pouco dos arredores tranquilamente, se quiser explorar bem a região eu diria pelo menos uns 6 dias. Vou contar um pouco das atrações que você pode ver em Santigo e já seguindo a ordem que sugiro para seu roteiro, depois conto um pouco dos passeios bate e volta.

     Comece o passeio pelo Cerro Santa Lucia, cerro é um monte elevado na cidade e no caso do Santa Lucia você tem um mirante lindo que proporciona uma vista da cordilheira dos Andes muito bonita. Depois de contemplar a paisagem, vá caminhando até o Centro Histórico, nele está a Plaza de La Constituición onde está a sede do governo e o Palácio de la Moneda que conta um pouco da história da moeda.

     Depois vale a pena caminhar pela rua Ahumada, é a principal zona comercial da cidade e te levará até a Plaza das Armas, local onde Santiago começou a se desenvolver. Aproveite esse dia também para dar um pulinho no Mercado Central, apesar de não ser muito “pomposo” é válida a visita pois seu prédio é histórico e tem vários quiosques para degustar algumas guloseimas, tomar uma cervejinha ou um café. O mercado também é famoso pela venda de caranguejos gigantes (estilo os King Crabs japoneses) mas cuidado pois podem custar bem caro.

     Depois do almoço vá até os museus que ficam no Parque Florestal: Museu Belas Artes & Arte Contemporânea, ficam lado a lado e ambos possuem obras interessantes. Feche o dia jantando no restaurante Giratório, é conhecido no mundo todo por sua vista 360 graus de Santiago e o nome é realmente o que acontece com você dentro do restaurante que fica girando rs. Não se esqueça de fazer reservas com antecedência pois ele é bem disputado. Agora, se você não quer gastar muito fuja deste restaurante rs, há outras opções excelentes no bairro Bella Vista ou em Providencia, eu adorei o bar e restaurante BackStage que fica no Patio Bella Vista.

     No dia seguinte logo pela manhã suba ao Cerro San Cristóban de Funicular, no topo deste cerro há um Santuário a Imaculada da Conceição, o principal zoológico da América do Sul e uma vista linda da cidade, um pouco diferente do Cerro Santa Lucia. Ainda no topo prove o Mote con Huesillos, um suco que se come de colher com grãos e damasco, bem diferente.

     O cerro fica próximo ao Patio Bellavista, um complexo com restaurantes e bares, sugiro almoçar por ali, curtir o clima do lugar que é todo aberto e com mesas na  calçada, depois tome um táxi ao Parque Arauco: grande shopping com lojas de departamentos como Fallabella e Ripley além de bons restaurantes. É no Arauco que está o Tanta, famoso restaurante peruano do chefe Gastón Acurio.

     O roteiro que sugiro acima é tranquilo, sem correria e dá pra ser feito caminhando sem muito esforço (pegando um ou outro táxi // metrô) mas se você não é da turma da caminhada ou quer conhecer tudo em um único dia eu recomendo comprar um ticket do ônibus Hop On Hop Off, vai aproveitar melhor o tempo.

    Separe um período do dia para visitar a vinícola Concha y Toro famosa pelo vinho Casillero del Diablo, você precisa fazer reservas antecipadamente pelo site e depois para chegar na vinícola basta descer na estação de metrô Los Leones e tomar um táxi até a bodega (o táxi vai te custar cerca de R$35). O dia em que visita-la pode aproveitar para descansar um pouco ou fazer compras pois o passeio não toma o dia todo.

     Depois de dois dias em Santiago recomendo desbravar a região e embarcar nos passeios bate a volta partindo de de lá. São muitas opções e a melhor maneira (mais prática e segura) de aproveitar é comprando um passeio com agência, como sou fã e parceira da Viator aqui vai a lista de todos os disponíveis. Você pode passar um dia em Viña del Mar e Valparaíso: duas cidades coladinhas com Santiago sendo a primeira uma importante cidade praiana onde está o famoso relógio de flores, o Castelo Wulf e a praia em si é uma graça.

     A segunda cidade também é legal, repleta de morros coloridos e estreitos, possui uma área histórica considerada Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO e também é onde está a La Sebastiana, casa onde o escritor Pablo Neruda morou por muitos anos. Outra opção é conhecer as vinícolas que ficam mais distantes da cidade como por exemplo Casablanca que fica em uma região linda ou a Undurraga com Santa Rita (esse passeio inclui a visita Concha y Toro). Para fechar o tema passeios bate e volta vou falar dos que mais chamam atenção recentemente (quando fui eles não eram tão acessíveis como hoje):

Cájon del Maipú: visita ao vale Maipú passando aos pés do vulcão e por lagos lindos.

Baños Colina: um passeio pelos Andes com uma parada para banhos termais no vulcão San Jose.

Portillo Inca Lagoon: um passeio pelo vale Portillo em um dos pontos mais altos dos Andes, bem na divisa com a Argentina. Faz uma parada na Portillo Lagoon que é toda verde e reza a lenda que uma princesa Inca muito importante foi ali enterrada. Esse passeio faz uma parada em uma vinícola no monte Aconcágua também.

     Para quem tem mais tempo ou já foi a Santiago antes sugiro passar alguns dias hospedado em algum dos vales. O mais conhecido (e mais caro também) é o Vale Nevado. Por ser o mais alto da região abre a temporada de neves mais cedo e fecha m pouco mais tarde. Antes de chegar ao Nevado tem também Farellones, La Parva e El Colorado, todos com estações de esqui e infra hoteleira. Nós optamos por um chalé SUPER aconchegante em Farellones, chama-se Hotel Posada Farellones, nos apaixonamos pelo lugar, íntimo, aconchegante e extremamente confortável, além do preço ser menos da metade dos hotéis no vale nevado, ainda contávamos com uma van do hotel que nos levava e buscava para todas as estações de esqui, incluindo as do Vale Nevado. Prometo que conto tudo em outro post rs. Se você não estiver no pique pra ficar alguns dias morro acima, pode contratar passeios de um dia até os vales, eu novamente recomendo a Turistik ou neste caso a Viator também tem excelentes opções de passeios. 

Não perca o post do blog O Melhor Mês do Ano que conta como é passar um dia no Vale Nevado.

Outra boa dica é incluir Atacama em uma viagem de 10 dias pelo Chile, veja o que o “Outro Blog” conta aqui com um roteiro de 4 dias pelo Atacama.

Turistando com a Lu você terá toda nossa assessoria durante sua viagem! Aproveite e clique aqui para conferir as ofertas!

Compartilhe suas fotos e histórias de viagens usando o  #turistandocomaLu nas redes sociais.

Este slideshow necessita de JavaScript.

3 thoughts on “Turistando no Chile – um roteiro de viagem em Santiago

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *