O que fazer em Cusco além do Machu Picchu

O que fazer em Cusco parece uma pergunta cuja resposta é óbvia; visitar o Machu Picchu. Certo? Errado! Cusco é a cidade base para quem desbrava o Machu Picchu mas é também um lugar interessantíssimo e base para diversos outros passeios. Não estou dizendo para você não conhecer o Machu Picchu, essa é uma atração imprescindível mas, quero que você conheça outras coisas em Cusco também.

***Esse post foi atualizado em Setembro de 2018

 

IMG_1955
Praça Central de Cusco

Os voos para Cusco partem de Lima com frequência de hora em hora e são operados por diversas cias aéreas, em nossa viagem voamos de Peruvian Airlines. Ao chegar em Cusco não se assuste pois a cidade é bem simples mas é bem segura e o povo pacífico. Por segurança, reserve um táxi na área interna do aeroporto, antes de passar pro saguão de desembarque, ou até mesmo veja se seu hotel tem traslado, muito comum por lá.

Para hospedagem eu recomendo o Sonesta, um hotel que oferece o conforto necessário para essa viagem, especialmente após a canseira dos passeios ao Machu Picchu, Vale Sagrado etc. O Sonesta tem um banheiro tão lindo que dá até vontade de dormir nele rs, uma ducha relaxante, banheira espaçosa e uma cama ótima. O restaurante do hotel é um dos melhores de Cusco e está localizado a cinco minutos do centro de Cusco.

A cama dos deuses do Sonesta Hotel em Cusco

 

O café da manhã do Sonesta é muito bom

A cidade de Cusco é bem pequena e dá pra ser explorada toda caminhando, em um dia dá pra ver tudo com calma. Recomendo pegar um voo de Lima que chegue em Cusco no máximo 11am, assim você tem esse dia completo para conhece-la e nos próximos já partir pros passeios.

Ao chegar planejamos uma pausa no hotel para tomar chá de coca. Como Cusco está a 3400 metros de altitude você precisa tomar mutos líquidos e chá de coca para dilatar os vasos sanguíneos e não ficar com tontura, o famoso “mau da altitude”. Eu tive um pouco de dor de cabeça mas logo passou, o chá ajuda bastante e não dá barato como algumas pessoas pensam rs, tomamos diversas vezes ao longo do dia.

IMG_1931
Chá do coca oferecido pelo hotel Sonesta

Começando o tour pela Plaza de Armas onde você pode visitar as igrejas católicas construídas após a colonização espanhola. A praça foi palco de grandes revoluções e manifestações do povo inca durante a colonização. É um lugar lindo, céu sempre azul contrastando com o marrom das igrejas e dos morros. Na praça central fique atento com as mulheres que se vestem tipicamente e carregam filhotes de lhamas, elas querem uma gorjetinha em troca de fotos. Então se tirar foto delas ou com elas seja justo e dê uma moedinha.

Fizemos uma pausa na petiscaria Museo del Pisco para o almoço e fomos surpreendidos, o menu de piscos é enorme e tem para todos os gostos: com frutas, mais fortes, suaves, apimentados etc… Provamos dois recomendados pelo garçom que amamos. Os pratos são basicamente porções para compartilhar enquanto se vai beliscando o pisco batendo papo, um sabor e tempero delicioso!! Recomendo ao extremo esse bar/restaurante.

Museo del Pisco
IMG_1933
Nossos drinks, piscos diferentes

Na parte da tarde visitamos o Museu Inka, achei bem legal e simples. Um segundo museu que visitamos por acaso no última dia em Cusco foi o Museo Machu Picchu Casa Concha, esse sim é bem interessante pois conta toda a história do Machu Picchu. Portanto se apenas lhe restar tempo para um deles opte pelo Casa Concha. O mais legal do museu Inka foi conhecer o processo de tecelagem das famosas mantas coloridas que as senhoras fazem por ali.

Caminhamos mais um pouco pela cidade para curtir o clima que é extremamente turístico e rustico, paramos em um mercado local para comprar guloseimas e os lanches que são recomendáveis durantes os passeios, relaxamos um pouco no hotel e ao entardecer voltamos para a Plaza de Armas. A noite a praça também fica bem agitada com o retorno dos passeios todos, fica muito iluminada se tornando um belo cenário para fotos, os restaurantes e bares também ficam todos por ali.

Optamos por provar o tão controverso prato típico do Peru: Kuy – que é um porquinho da índia. Caminhamos até o restaurante mais indicado: Kusikuy, fica um pouco escondido mas vale a pena, não pelo porquinho da índia que não é nada saboroso e quase nem tem carne, mas pelo clima do restaurante e pelo sabor dos outros pratos, aqui provamos o Ají de Galina também (outro prato típico e saborosíssimo), batemos papo com o dono que nos trouxe vários tipos de pisco, foi perfeito.

Kuy – porquinho da índia

Este slideshow necessita de JavaScript.

Dedicamos mais dois dias em Cusco sendo um para conhecer parte do Vale Sagrado e outro para o Machu Picchu. Fizemos bate e volta de Cusco com tours guiados em ambos os dias, preferimos acordar mais cedo do que trocar de hotel etc.. O que conhecemos além da cidade sagrada dos incas foi Pisca, Ollantaytambo mas recomendo mais dois passeios que me arrependo de não te-los feito: Rainbow Mountain & Moray, Maras e as Minas de Sal

Com isso você terá uma viagem completa pela região sagrada do Peru. Esse roteiro que sugiro levaria 4 dias sendo: 

Dia 1 Cusco
Dia 2 Rainbow Mountain
Dia 3 Pisac e Ollantaytambo com opção de pernoite em Ollantaytambo (uma opção que todos os passeios guiados oferecem desde que você reserve o hotel)
Dia 4 Machu Picchu

Você precisaria comprar os passeios separadamente e reservar um hotel em Ollantaytamnbo. Dessa maneira você muda poucas vezes de hotel e fica um pouco menos cansativo do que fazer 3 passeios bate e volta. Considere um quinto dia para ir embora de Cusco e seguir viagem pelo Peru ou voltar pra Lima pra encerrar a viagem pois os voos pra fora do Peru partem todos de Lima. 

Sobre o Machu Picchu

Fiz um artigo que conta em detalhes tudo que você precisa saber para planejar sua visita a cidade sagrada. NÃO DEIXE DE LER. As dicas daqui são focadas na cidade de Cusco e planejamento para conhecer o Machu Picchu é essencial e este artigo tem TUDO que você precisa saber.

Tudo o que você precisa saber para visitar o Machu Picchu

Siga o blog pelas redes sociais:  

Planejando sua viagem em parceria com o blog:

bookingReserve seu hotel através da Booking.com, são milhares de opções no mundo todo com garantia dos melhores preços. Cancelamento gratuito, pagamento antecipado e confiança de uma empresa com mais de 20 anos atuando com reservas de hotéis

Seguro Viagem com a Seguros Promo. As melhores empresas do mercado, cobertura em todos os continentes, para todas as idades e com os melhores preços. Digite o cupom TURISTANDO5 ao realizar sua compra através dos links aqui do blog e ganhe 5% de desconto. 

cxbncv7e0ug4s8cAluguel de carro no mundo todo, com descontos de até 60%, em 12x sem juros e sem cobrança de IOF através da RentCars. Ela compara todas as operadoras atuantes de seu destino oferecendo melhores tarifas e condições. Flexibilidade e segurança para suas próximas Road Trips

Get Your Guide é uma opção que tem TUDO para sua viagem e com melhores preços; tours privados, transfers, ingressos fura filas, experiências e muito mais. Só o ingresso? Eles tem! Ingresso com transporte? Eles tem! Uma experiência completa por determinada região? Eles tem!

viator Tours guiados e privados, transfers e ingressos com a Viator Tours. Sua viagem toda organizada e independente com a Viator, a maior parte dos passeios são privados ou pequenos grupos, saída e retorno do seu hotel incluindo ingressos e transporte. Experiência completa.

7 thoughts on “O que fazer em Cusco além do Machu Picchu

  1. Olá Luciana fico feliz que tenha desfrutado de Cusco. Sou peruano e considero esta cidade um símbolo do país não só por Machu Picchu como também pelos atrativos que possui e a cordialidade de sua gente. Gostei muito do post e espero que volte para nos visitar, um abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.