Brasileiros em Buenos Aires – como é viver na capital portenha!

Última atualização em

Como é a vida de brasileiros em Buenos Aires? Aqui eu vou contar minha visão de quem viveu lá por uma ano em 2015. Fui acompanhada de meu marido que estava em alocação internacional no país vivi momento incríveis!

Brasileiros em Buenos Aires
Bike Tour em Palermo – foto Lu

Vida em Buenos Aires

Viver em Buenos Aires é maravilhoso em muitos quesitos e difícil em outros. Certamente a quantidade de atrações turísticas da cidade , restaurantes, bares e cafés são um grande ponto positivo. Me lembro com muita saudades das manhãs em Palermo entre lojas, museus e cafeterias com brunchs deliciosos.

O trânsito caótico, a desorganização da cidade e constantes problemas econômicos são os fatores dificultadores. Alguns deles afetam diretamente nosso dia a dia, morei em um bairro residencial não tão afastado do centro (Vila Urquiza) e demorava mais de uma hora pra chegar até a área central.

Para fugir da bagunça do metro eu optava por pegar um táxi, muitas vezes uma aventura! Os taxistas andam rápido, falam mais rápido ainda e as vezes ficam bravos e perdem a paciência. Recentemente em visita turística a cidade, optei por Uber e achei muito melhor.

Mas no geral, viver em Buenos Aires é uma delícia e eu viveria essa experiência novamente COM CERTEZA! Afinal de contas, todas as grandes capitais sofrem com problemas de infraestrutura não é mesmo?

Agora, se você me perguntar se eu toparia mudar pra Buenos Aires pra vida inteira minha resposta é NÃO. Penso assim pois há muita instabilidade econômica causando greves e afetando funcionamento de escolas e hospitais (ou seja, insegurança).

No Brasil também temos um cenário parecido, nossa taxa de desemprego em 2019 foi muito parecida com a deles. No entanto, aqui estamos em nosso país, nossa cultura, próximo de nossos familiares e isso pra mim tem um peso maior.

O que achava mais difícil no dia a dia: trânsito, falta de frutas e verduras de qualidade em supermercados e quitandas, internet que caia TODA hora, greves gerais quase que todos os meses, quando chovia forte demais a luz ia embora e já chegamos a ficar 2 dias sem energia, falta de alguns produtos em supermercado eventualmente (já ficamos sem sabão em pó por 1 semana) e só!

O que eu mais gostava no dia a dia: o clima, as media lunas no café da manhã, os vinhos e embutidos muito baratos, a possibilidade de conhecer restaurantes e provar a gastronomia, fácil acesso a teatros e museus, fácil acesso a destinos no país e a cultura do dolce fair niente de final de semana (acordar tarde, relaxar e fazer nada). Aos domingos você só escuta barulho em bairros residenciais após as 10am.

brasileiros em buenos aires
Plaza Itália já em Palermo Soho

Clima e temperatura

Muito brasileiros em Buenos Aires se assustam com as quedas de temperatura que ocorrem no inverno. Não acho que seja um fator tão negativo pois as casas e restaurantes estão todos preparados com aquecimento ideal e as lojas com roupas adequadas.

Mas é fato, Buenos Aires é mais geladinha que o Brasil, talvez não tanto quanto na região Sul de nosso país, mas se comparada ao Sudeste as temperaturas são menores por lá. Temperatura média de 10 graus Celsius no mês de Julho por exemplo.

Nessa época o ideal é correr para teatros, livrarias, cafeterias, restaurantes e shoppings. Já no verão há muitas opções de parques e restaurantes pé na calçada pra divertir todos. Até por que o verão é bem quente também. Temperatura média de 28 graus Celsius no mês de Dezembro por exemplo.

brasileiros em buenos aires
Uma das melhores experiências em Buenos Aires: as cafeterias!

Custos de vida em Buenos Aires

Para os padrões brasileiros o custo de vida é alto! Especialmente se o seu salário for convertido em pesos argentinos. Quando falamos de ir a turismo, os custos de viagem são inferiores sim; um excelente jantar em Puerto Madeiro com direito a vinho, entradas e sobremesas dificilmente ultrapassará R$350 o casal.

Se você tomar o mesmo vinho e optar pelo mesmo estilo de menu em São Paulo certamente gastará quase o dobro deste valor e a qualidade pode ser até inferior. Em resumo; falando de turismo, brasileiros em Buenos Aires encontram custos similares ou inferiores aos praticados no Brasil.

Já para viver na cidade eu acho que os custos são altos para o salário mínimo de lá, por exemplo:

  • Salário mínimo no Brasil: R$1039,00
  • Aluguel no centro de São Paulo: R$2000,00 (praticamente 2 salários)
  • Salário mínimo na Argentina: 4400,00 pesos
  • Aluguel no centro de Buenos Aires: 17000,00 pesos (praticamente 4 salários)

Mas como vivi lá tem um tempinho já, deixo um vídeo do meu colega Luiz Rodrigues atualizado em 2019:

Sistema público de saúde em Buenos Aires

A Argentina é um país reconhecido por ter um excelente sistema público de saúde. Também tem ótimas opções particulares, tive amigas que até aproveitaram para fazer algumas cirurgias estéticas enquanto viveram lá como colocar silicone Coisas que não são cobertas pelo sistema particular de saúde no Brasil.

Os serviços de saúde são organizados de três maneiras (fonte site Wikipedia):

  • Sistema de saúde público: é universal e gratuito, usado por cerca de 37% da população, possui hospitais e clínicas amplamente distribuídos por todo território nacional. Fornece vacinas, medicamentos, consultas, serviços de emergência, cirurgias e reabilitação, gratuitamente, inclusive a estrangeiros. Também inclui universidades para formação, treinamento e reciclagem de profissionais de saúde. É financiado pelo governo nacional, provincial e municipal. É usado principalmente pelas classes mais humildes ou por qualquer pessoa durante emergências.
  • Obras sociales: um sistema misto, com investimentos públicos, dos trabalhadores, dos empregadores, dos pensionistas e dos aposentados. Se consolidou na década de 70 e atualmente é usado por cerca de 52% da população. Quando um trabalhador registrado necessita um serviço de saúde o Estado paga parte e o trabalhador paga outra parte, seja a clínica pública ou privada. Aposentados e pensionistas usam o Programa de Assistência Médica Integral (PAMI).
  • Sistema privado de saúde: Quando uma pessoa quer usar o serviço de uma clínica privada, mas não possui uma obra social, ela pode pagar integralmente o valor dos serviços no momento da consulta ou mensalmente com um serviço de Medicina Prepaga. Existem mais clínicas privadas do que públicas, mas apenas 8% da população possui um plano de Medicina Prepaga. A maioria dos serviços se concentram na Grande Buenos Aires(GBA).

Seguro viagem para Argentina – é realmente necessário? Se você está de mudança para o país não. Mas se você está indo passear SIM. Leia esse texto que eu explico detalhadamente. E abaixo deixo minha sugestão de seguro viagem; use o cupom TURISTANDO5 e ganhe 5% off, pague no boleto e ganhe mais 5% off:

Turismo no país

Turismo em Buenos Aires é uma delícia! Destaco o enoturismo, restaurantes com carnes e massas excepcionais, museus, parques, livrarias e cafeterias. Leia mais sobre a cidade logo abaixo onde deixo meus links para ajudar brasileiros em Buenos Aires em busca de turismo.

Outro fator positivo é o fácil acesso as demais regiões turísticas do país:

brasileiros em beunos aires
Mendoza na Argentina – foto Lu

Bom pessoal, é isso! Essa foi minha experiência vivendo no país. Qualquer dúvida é só chamar ai nos comentários ou pelas redes sociais.


Salve esse artigo em seu Pinterest:

brasileiros em buenos aires

 

Planejando sua viagem em parceria com o blog:

bookingReserve seu hotel através da Booking.com, são milhares de opções no mundo todo com garantia dos melhores preços. Cancelamento gratuito, pagamento antecipado e confiança de uma empresa com mais de 20 anos atuando com reservas de hotéis

Seguro Viagem com a Seguros Promo. As melhores empresas do mercado, cobertura em todos os continentes, para todas as idades e com os melhores preços. Digite o cupom TURISTANDO5 ao realizar sua compra através dos links aqui do blog e ganhe 5% de desconto. 

cxbncv7e0ug4s8cAluguel de carro no mundo todo, com descontos de até 60%, em 12x sem juros e sem cobrança de IOF através da RentCars. Ela compara todas as operadoras atuantes de seu destino oferecendo melhores tarifas e condições. Flexibilidade e segurança para suas próximas Road Trips

Get Your Guide é uma opção que tem TUDO para sua viagem e com melhores preços; tours privados, transfers, ingressos fura filas, experiências e muito mais. Só o ingresso? Eles tem! Ingresso com transporte? Eles tem! Uma experiência completa por determinada região? Eles tem!

viator Tours guiados e privados, transfers e ingressos com a Viator Tours. Sua viagem toda organizada e independente com a Viator, a maior parte dos passeios são privados ou pequenos grupos, saída e retorno do seu hotel incluindo ingressos e transporte. Experiência completa.

7 comentários em “Brasileiros em Buenos Aires – como é viver na capital portenha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.