O que fazer em Santiago do Chile e um roteiro de 5 dias

O que fazer em Santiago do Chile e um roteiro de 5 dias para você se deliciar com belas paisagens, passar por todas as atrações e se jogar em passeios bate e volta. Ah, também tem dica de vinícola linda e restaurante gostoso que se encaixa perfeitamente em seu roteiro turístico.

 

Informações Básicas

Os vôos diretos de São Paulo levam cerca de 3,5 horas e quem voa com frequência pra lá é a LATAM, Avianca e Gol. Pra economizar vale muito a pena ficar de olho em sites promocionais como Passagens Promo, em minha última viagem (Maio de 2018) paguei R$700 na passagem com eles.

O visto de turista para brasileiros é concedido no balcão da polícia federal lá, logo após o desembarque. Para entrar no país é necessário ter em mãos o passaporte válido por 6 meses considerando a data final de sua viagem ou a carteira de identidade com emissão feita nos últimos dez anos. Não é necessário ter nenhuma vacina específica nem é obrigatório ter seguro viagem, apesar de eu não recomendar você embarcar sem seguro viagem, um risco muito alto.

Pra comprar um bom seguro viagem eu recomendo meu parceiro Seguros Promo, melhor tarifa do mercado e usando o código TURISTANDO5 você ganha 5% de desconto. Se você escolher algum que tenha uma cobertura básica já está bem assistido, ta aqui um que gosto muito: Assist Card 35K.

A língua é o espanhol e dá pra se virar bem com português, especialmente em locais turísticos. A moeda é o peso chileno, um pouco desvalorizada frente ao real, então se prepare para ter milhares de pesos na carteira. Recomendo trocar o dinheiro antes de viajar, aqui mesmo no Brasil, em minhas duas viagens compensou bem mais. Eu gosto muito da Flexchange e Sr Moeda. 

Hospedagem em Santiago

Fiz um artigo específico sobre esse tema que você pode ler aqui. Em resumo: recomendo se hospedar nos bairros Bellavista ou Lastarria pois estão próximos das atrações turísticas, são seguros e com ótimas opções ao redor para sair a noite. 

Tive duas experiências sendo uma no luxuoso hotel Luciano K no bairro Lastarria que foi incrível, tranquila, aconchegante e muito gostosa. E uma no Bellavista Apartments, um flat belíssimo no coração do bairro Bellavista, achei uma ótima opção para quem tem mais tempo de viagem ou que vai com crianças e precisa de uma cozinha.

Onde ficar em Santiago do Chile – dicas de bairros, hotel e apartamento

Bellavista Apartments. Foto divulgação
Bellavista Apartments. Foto divulgação.
Rooftop do hotel Luciano K
Suíte Deluxe do Luciano K

Como se locomover

Há duas maneiras de curtir a cidade com tranquilidade e praticidade; metrô + caminhada ou ônibus turístico de dois andares; Hop On Hop Off. Eu usei o ônibus em minhas duas viagens, acho prático pois ele para em frente de todas as atrações, você faz o seu horário, tem espaço pra acomodar carrinho de bebê, dá pra ficar lá em cima contemplando a vista e tem a duração de dois dias.

Só um ponto de atenção para usa-lo da melhor maneira possível; ele é uma linha circular, ou seja, tem um único sentido, então você precisa planejar bem seus dois dias de city tour pra não ficar horas aguardando pra descer em alguma atração específica, que esteja em algum ponto antes do que você está embarcando. O roteiro que vou listar aqui neste artigo segue essa sequência lógica do bus.

Para ir as vinícolas recomendo os tours guiados, aqui neste artigo falo mais sobre elas. Em algumas dá sim pra ir de táxi e metrô como a Concha y Toro por exemplo. Para os passeios bate e volta como Viña del Mar, Valparaíso e Cajón del Maipo, você pode alugar um carro ou contratar os passeios guiados. Brasileiros podem dirigir no Chile apenas com a carteira de habilitação.

Para ir e vir do aeroporto a maneira mais prática e econômica é o transfer compartilhado, dá pra comprar antecipadamente e é ótimo. Uma alternativa para quem viaja em grupos grandes é contratar um motorista que fará seu passeio customizado. Fiz isso com o Humberto em alguns dias, clique sobre o nome dele que você terá os contatos, ele tem vans e faz preços especiais se você fechar mais que um dia de atividade.

Transfer compartilhado entre Santiago – Aeroporto

 

O que fazer em Santiago do Chile e um roteiro de 5 dias

Bom, vamos falar sobre o que fazer em Santiago do Chile e um roteiro completo de 5 dias. Aqui vou incluir dois dias de city tour por Santiago e mais três dias com passeios bate e volta. Vou indicar os passeios que considero importantes, já fazendo uma distinção pra quem viaja no inverno e verão.

Dia 1 – City Tour em Santiago

Comece o dia subindo no Cerro San Cristóban de Funicular, no topo deste cerro há um Santuário a Imaculada da Conceição, o principal zoológico da América do Sul e uma vista linda da cidade. Essa atração fica no bairro Bellavista, você pode aproveitar e caminhar um pouco por ali, caso seu hotel não tenha café da manhã você pode tomar no Patio Bellavista; há um Mc e uma Starbucks lá.

Vista do topo do Cerro San Cristóban
Santuário Imaculada da Conceição no Cerro San Cristóban

Próxima parada é a Plaza das Armas e o centro histórico de Santiago. Você pode visitar o Museu de História Natural, a Basílica La Merced e caminhar até a Plaza de La Constituición onde está a Palácio de La Moneda. Há uma troca de guardas no palácio em dias alternados sendo que em determinados meses ocorre nos dias pares, em outros em dias ímpares, veja aqui o calendário sempre atualizado.

Fachada do Palacio de La Moneda
Centro histórico de Santiago
Palacio de La Moneda

Depois siga caminhando até o Mercado Central de Santiago para um almoço delicioso, econômico e bem tradicional. Caso você tenha em sua lista de desejos “comer Centolla – King Crab”, aqui é o lugar. Esse é o único trajeto que indico neste roteiro que não é coberto pelo ônibus Hop on Hop off, mas é uma caminhada curta e bem gostosa.

Mercado Central de Santiago
Por dentro do mercado
Centolla

Voltando pra Plaza das Armas, sugiro você pegar o ônibus novamente e fechar o dia no Sky Costaneira. O trajeto do ônibus até lá é um gostoso passeio pelo bairro de Providencia, mas deixa essa parada pro dia seguinte. O Sky Costanera fecha as 16:30pm, fique de olho no relógio. É o prédio mais alto da América do Sul, ou seja; uma vista daquelas. Há diversas lojas nos primeiros andares também.

Só assim pra sair um foto boa do Sky Costanera, ele é alto demais. Infelizmente eu perdi o horário, cheguei lá após as 16:30pm e não consegui subir 🙁

No final do dia você pode voltar pro hotel pra um descanso ou ir direto pro Patio Bellavista tomar um vinho branco ao entardecer. Pro jantar recomendo os restaurantes Barrica 94 ou Backstage Experience que ficam no próprio Patio Bellavista. Aproveite para passear pelas lojinhas do patio e comprar souveniers.

Onde comer em Santiago do Chile – meu roteiro gastronômico

Barrica 94
Família reunida no Backstage Experience

Dia 2 – City Tour em Santiago + Concha y Toro

Comece esse segundo dia de city tour pelo Cerro Santa Lucia, um monte elevado na cidade que tem um mirante lindo e mais uma vista da cordilheira dos Andes muito bonita. Depois do Cerro recomendo ir até o bairro de Providencia passear um pouco; visitar o parque de esculturas e curtir o clima.

Vista do Cerro Santa Lucia

Perto do horário do almoço siga com o Hop on Hop off, para o Parque Arauco. Um shopping a céu aberto bem completo, tem todas as lojas que você deseja encontrar no Chile e ótimos restaurantes. Almoçamos no Santabrasa que tem uma carne divina. Para o restante do dia vou te dar duas sugestões:

  • Curtir o shopping e voltar mais cedo pro hotel pra descansar um pouco.
  • Fazer o passeio com degustação pela vinícola Concha y Toro.

Caso você opte pelo tour até a Concha y Toro há duas opções pra chegar até lá; metrô até a estação La Merceds + táxi até a vinícola ou um tour privado. Contratando o tour você apenas deve informa-los que estará no Parque Arauco para te buscarem lá. Para o jantar no bairro Lastarria, restaurante Liguria.

Parque Arauco
Degustação Marques de Casa Concha na Concha y Toro
Essa é a vista que você vai ter no passeio até a Concha y Toro

Passeio com degustação pela vinícola Concha y Toro em Santiago

Dia 3 – Bate e volta para Viña del Mar e Valparaíso

Esse é um passeio clássico que entra pra todos os roteiros de quem vai pela primeira vez a Santiago do Chile. Valparaiso é uma cidade belíssima, casa de Pablo Neruda e com uma história arquitetônica bem peculiar. A cidade é toda elevada, as casas ficam em morros ingrimes e recheados de lugares interessantes. Esquinas coloridas com street art, casas mantidas intactas com paredes em lata, cafés charmosos e várias lojas de souveniers e artesanato.

Viña del Mar  é uma cidade litorânea onde está o famoso Castillo Wulff, o relógio de flores e o único Moai localizado fora da Ilha de Páscoa (escultura criada por volta do ano 1000 pela tribo Rapa Nui). Dá tempo de fazer tudo isso e ainda almoçar no restaurante Castillo del Mar que fica de frente pro mar (é bem servido e bem turístico), ou dar uma volta no centro da cidade pra tentar a sorte no cassino.

Minha sugestão é para alugar um carro e fazer por conta esse trajeto. Há também passeios guiados bem legais, alguns deles inclusive fazendo uma parada para degustação de vinhos no Valle de Casablanca, situado na metade do caminho entre Santiago e as duas cidades. Veja abaixo algumas opções de tours:

Passeio até Viña del Mar e Valparaiso saindo de Santiago

Passeio até Viñ del Mar e Valparaiso com degustação de vinhos

Vista de Valparaiso do espaço Pablo Neruda
Mais uma vista linda da cidade, também do espaço Pablo Neruda
Ruas repletas de souveniers em Valparaiso
Prédios históricos e peculiares
Viña del Mar
Relógio de flores em Viña del Mar
Almoço delicioso no Castillo del Mar

Dia 4 (INVERNO) – Bate e volta para Valle Nevado ou Farellones

Se você vai a Santiago durante o inverno recomendo passar um dia vende neve e esquiando. É uma atividade bem gostosa e que dá pra fazer com passeios bate e volta. Aqui eu não recomendo alugar carro por ter um trajeto mais delicado, com neves etc. Mais fácil ir com tour contratado.

Há quatro estações de esqui ao redor de Santiago, La Parva, El Colorado, Farellones e Valle Nevado. As duas últimas são as mais famosas e maiores. Eu particularmente gostei muito de Farellones por ser menor, ter uma pista de esqui mais fácil pra quem vai aprender, um restaurante com uma vista linda das montanhas e nunca está tão lotada quanto o Valle Nevado.

O passeio bate e volta não é caro mas tenha em mente três custos adicionais que você terá lá em cima: a entrada para as estações de esqui, refeições e o aluguel de roupas apropriadas e esquis. Acho uma experiência incrível e imperdível. Voltando para Santiago, se ainda tiver energia para sair jantar, vá conhecer o Terraza K, restaurante no rooftop do hotel Luciano K.

Transporte para Valle Nevado e Farellones

Essa é Farellones
Marido posando de modelo para mostrar a vista do restaurante que fica ao lado da estação de esqui
Um pedacinho da pista de esqui mais fácil

Dia 4 (VERÃO) – Bate e volta para Vulcão San José ou Cajón Del Maipo

Já te conto que eu não fiz nenhuma dessas duas atividades pois só fui a Santiago no inverno. Mas venho acompanhando por redes sociais e blogs amigos, são os melhores passeios para serem feitos no verão. Recomendo eles ou inclui mais um dia por vinícolas. Outra opção, especialmente para quem viajar com crianças, é aproveitar os parques de Santiago: Parque Metropolitano de Santiago (tem até um teleférico pra curtir a vista), Parque Forestal e Amargo Park.

Santiago: Trilha Cajón del Maipo e Vulcão São José

Cajón del Maipo: Excursão em Pequeno Grupo com Piquenique

Dia 5 – Um dias por vinícolas

Mesmo que você já tenha curtido o passeio pela Concha y Toro em seu segundo dia de viagem recomendo incluir mais um passeio por vinícolas. São três regiões produtoras de vinhos que possibilitam fazer bate e volta de Santiago: Valle de Maipo (onde está a Concha y Toro, Santa Rita, Aquitania etc.), Colchágua Valle e Valle de Casablanca (referência em vinhos brancos).

Vinícolas em Santiago e as regiões produtoras de vinho no Chile

Vinícola Santa Rita
Uma bela paisagem na Concha y Toro
Esses passeios com degustações valem muito a pena pela paisagem e para aprender mais sobre os vinhos

Essa é minha sugestão do que fazer em Santiago do Chile e um roteiro de cinco dias. Deu pra turistar, pra comer bem, pra ver neve ou vulcão, deu pra ir as compras e pra tomar bastante vinho. Uma viagem enxuta que  vai agradar a família toda. Espero que gostem 🙂

Siga o blog pelas redes sociais:  

Planejando sua viagem em parceria com o blog:

bookingReserve seu hotel através da Booking.com, são milhares de opções no mundo todo com garantia dos melhores preços. Cancelamento gratuito, pagamento antecipado e confiança de uma empresa com mais de 20 anos atuando com reservas de hotéis

Seguro Viagem com a Seguros Promo. As melhores empresas do mercado, cobertura em todos os continentes, para todas as idades e com os melhores preços. Digite o cupom TURISTANDO5 ao realizar sua compra através dos links aqui do blog e ganhe 5% de desconto. 

cxbncv7e0ug4s8cAluguel de carro no mundo todo, com descontos de até 60%, em 12x sem juros e sem cobrança de IOF através da RentCars. Ela compara todas as operadoras atuantes de seu destino oferecendo melhores tarifas e condições. Flexibilidade e segurança para suas próximas Road Trips

Get Your Guide é uma opção que tem TUDO para sua viagem e com melhores preços; tours privados, transfers, ingressos fura filas, experiências e muito mais. Só o ingresso? Eles tem! Ingresso com transporte? Eles tem! Uma experiência completa por determinada região? Eles tem!

viator Tours guiados e privados, transfers e ingressos com a Viator Tours. Sua viagem toda organizada e independente com a Viator, a maior parte dos passeios são privados ou pequenos grupos, saída e retorno do seu hotel incluindo ingressos e transporte. Experiência completa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.